Geeks – artigo masculino?

Hoje pela manhã ao ligar o portátil e abrir o Twhirl para iniciar os trabalhos do dia apercebi-me de que sou uma das poucas senhoras do meu próprio grupo de contactos (no máximo dez ladies em cerca de cem). Portanto,  iniciei o dia no Twitter com um “Muito bom dia senhores”. Mas o facto de ser minoria não me saía da cabeça.

Até que ao convidar um colega para a sala do Ptblogs no FriendFeed e ele dizer-me que já lá estava, resolvi conferir a lista de participantes. E não é que encontrei outras senhoras por lá? Pelas minhas contas somos seis num total de 50 participantes. E o mais curioso é que elas, pelo menos que eu tenha visto, não participam das discussões e gostaria eu de saber o porquê! Se não me tinha apercebido das contribuições da parcela feminina da rede portuguesa por minha culpa já fiz por começar a acompanhar-lhes a conversa via FriendFeed.

Eu participo das conversas sempre – é para aprender e é esta minha motivação principal. Também acho que não custa nada, por vezes, partilhar um link ou um comentário, mesmo que não seja tão pertinente assim. Utilizo o FriendFeed como fonte de conhecimento e o considero uma ferramenta interessante em que pode-se juntar quase toda informação num só local. Por tudo, entenda-se, links, discussões, comentários e conversas do Twitter, fotos e vídeos. Utilizo-o principalmente para trocar informações e participar das discussões – o que é muito proveitoso em todos os sentidos.

Acho que às vezes até partilho alguns links interessantes (se não for o caso comentem :-) ) mas não vejo participação das outras raparigas neste contexto de tecnologia, blogues, informática, comunicação, relações públicas, etc. O que é bem diferente no meu outro grupo – o grupo das mães internautas! Que estão sempre em busca de conselhos, informações e troca de experiências.

Pessoalmente nunca me considerei geek mas sempre conservei curiosidade pela tecnologia, por isso experimento todas as novidades ao meu alcance. O que me leva a pensar, será que só eu sou assim? As estudantes portuguesas e profissionais de tecnologia, engenharia, informática, etc. não utilizam a internet? Não conhecem a blogosfera? Ou não se interessam? Também me pergunto quais os objectivos e expectativas da maioria das pessoas na blogosfera?  Somente os considerados geeks empenham-se por tais assuntos? E por último será que o termo geek é mesmo um artigo do género exclusivamente masculino?

About these ads

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: