European Communication Monitor 2010 – Digital

Ao ler o estudo deparei-me com alguns dados interessantes entre os quais achei importante destacar os seguintes:

68% dos entrevistados acreditam que os meios digitais são importantes instrumentos de comunicação e destes um em cada quatro acha que simportantes para a profissão de hoje.
As redes sociais foram consideradas a plataforma de social media mais importante enquanto o Twitter foi considerado importante por 26% dos participantes.

Mesmo assim, menos de um terço das organizações já implementaram as condições necessárias para o acompanhamento de rotinas ou mesmo indicadores de desempenho para definir e avaliar as medidas de sucesso.

Por isso a social media é ainda considerada apenas como uma oportunidade e a maioria dos profissionais de comunicação afirmam que têm o controle estratégico. Mas os recursos são geralmente atribuídos à função de marketing, menos de metade dos entrevistados tem o controlo orçamental.

É um estudo que aparentemente aproxima-se bem da realidade e pode ser consultado na íntegra aqui: http://www.communicationmonitor.eu/ECM2010-Results-ChartVersion.pdf

Crisis Management – vale muito a pena ver :)

Mais Toyota – a acompanhar

Acabei de ver aqui que a Toyota definiu e colocou em prática a estratégia de gestão de crise que inclui uma acção na websocial com um site que agrega todos as mensagens de twitter e ainda notícias, vídeos e press releases da empresa sobre o recall e não só.
A acompanhar porque parece-me ser a melhor opção e uma excelente ideia.

Estratégia da Toyota

A Toyota aposta em todos os meios para melhor gerir a crise provocada pelo recall e pela interrupção da produção de alguns modelos nos Estados Unidos conforme notícia publicada no m&m online. Desde entrevistas do presidente da empresa na televisão, compra de espaço publicitário nos principais jornais norte-americanos, até intervenções na página do Facebook para tentar esclarecer consumidores e retomar o market share que perdeu por conta da crise.

Ranking de ética nas empresas

Pelo twitter achei interessante o link enviado pela Vivian Faertes para o artigo, publicado pelo Huffington Post, com a apresentação do ranking das empresas menos éticas do mundo que foi realizado pela empresa Covalence. A reportagem do jornal está focada principalmente nas 12 empresas com pior colocação no ranking, mas o estudo é muito interessante em todos os aspectos, confiram.

O mais importante

Artigo Online sobre o que esperar para a área de relações públicas durante o ano de 2010. Na minha opinião e pelo que tenho visto ultimamente, é o melhor artigo publicado sobre perspectivas e previsões para o ano, justamente, por ter os “pés” no chão, e analisar todos os dados com a devida noção.
Destaco, logicamente, os 5 tópicos principais para o ano:

1. Realtime PR

– nada mais acertado que apostar no real! Sem as tradicionais acções de relações públicas, sem o contacto directo e troca de informações é impossível fazer um bom trabalho.

2. Lifestreaming

– Já está muito presente, mas ainda é considerado apenas um nicho. A lembrar que com cada vez mais smartphones comercializados, mais acesso móvel à internet e mais possibilidades de lisfestreaming. É portanto, normal o crescimento.

3. Location-based services

– Sempre associei os dois – livestream e location-based service – um quase não pode existir sem outro e fazer sentido.

4 Augmented reality

– a meu ver é a maior aposta para todas as marcas e empresas. É novidade, pode-se abusar da criatividade e por enquanto ainda se encontram bons trabalhos. Mas acredito que até o próximo semestre vamos estar saturados de aplicações, campanhas e acções que se utilizam da Realidade Aumentada.

5. Digital as a segmentation tool

– Esta é na minha opinião a melhor aposta entre todas, para as empresas que quiserem sobressair na comunicação de marca e no relacionamento com clientes, fornecedores e colaboradores. Quem souber explorar a segmentação tem a faca e o queijo na mão para revolucionar o mercado e abrir portas a novos negócios 🙂

Uma pequena nota – apenas um link para notícia importante

Google Hires Corporate-Communications Chief
Como se o blog fosse um twitter, que agora não dá tempo de comentar 😉