Crisis Management – vale muito a pena ver :)

Anúncios

A Acompanhar

Acabei de ler na newsletter do Jornal Briefing que a Europa irá ter a primeira cimeira sobre Measurement em Junho. Alguém tem mais informações? Eu não achei outras fontes, portanto, fico a acompanhar os desenvolvimentos.

À propósito, uma pequena observação, quando é que uma notícia pode sair sem o “Onde”???

Blogues = diálogo directo / Empresas = adaptação

Adaptação foi a palavra chave durante o debate Conversas da Unicer que teve por tema Blogosfera – Um problema para as empresas ou um novo universo para as relações públicas. Defendeu-se sempre a adaptação das empresas aos novos meios de comunicação e interacção social presentes na internet.

A possibilidade de um diálogo directo entre empresas e sociedade é a principal vantagem dos novos meios sociais de comunicação, como os blogues, afirmaram de diferentes formas os participantes do debate.

A tarde começou com a apresentação de Bruno Giussani, sobre o poder de influência e a facilidade de comunicação existentes actualmente através das diferenciadas ferramentas de relação social. Ele demonstrou que hoje “qualquer indivíduo pode gerar todo tipo de conteúdos e divulgá-lo através da internet”.

Luís Paixão Martins concordou ao afirmar que não mais se pode controlar a informação e acrescentou que a “virtude da internet é que ela torna muito mais fácil a comunicação”. Ao defender essa mesma ideia, António Granado afirmou que as audiências não são mais passivas e que as empresas tem de “estar abertas e disponíveis ao diálogo directo”.

Maria João Nogueira, por sua vez destaca que antes de aventurar-se é preciso conhecer o meio e a forma como ele funciona “não se pode entrar a matar”. A ideia foi apoiada pela intervenção de Granado, que conclui que é preciso ter tempo para consultar e responder aos comentários e também por Eduardo Correia, que sublinha que os clientes tem muito mais acesso às informações e tornam-se cada vez mais exigentes, o que significa que as “empresas têm de procurar um novo plano de relação com a sociedade”.

Paulo Querido afirma ainda que as novas empresas mais do que as tradicionais são as primeiras a aceitar as novas formas de comunicação até por já terem sido criadas com esses meios à disposição, além disso acha que “os blogues podem ser uma ferramenta de aproximação” entre empresas, clientes, colaboradores, fornecedores e mercado.

A conclusão é de que é preciso adaptar-se à nova comunicação que cada vez mais está descentralizada e menos controlada e torna-se mais social do que nunca porque proporciona um debate aberto e imediato. E pergunta-se não mais se as empresas devem utilizar esses novos recursos mas sim, como e quando vão fazê-los.

Para terminar com chave de ouro, infelizmente, o próprio CEO da Unicer, António Pires de Lima, parece não ter-se apercebido de nada do que se falou durante o debate. Ao ser perguntado sobre se a empresa iria ter um blogue respondeu que ele particularmente como CEO “não teria nada para dizer”.

Depois ao ser novamente interpelado sobre o assunto, dessa vez por Giussani, que perguntou se ele, Pires de Lima, como CEO da Unicer, aceitaria que um dos seus colaboradores tivesse um blogue em que relatasse o seu dia de trabalho na empresa disse que há determinados assuntos que não poderiam ser falados mas esqueceu de comentar de que em todas as áreas e para tudo na vida há que se ter um mínimo de ética.

Giussani ainda deixou um bom concelho a ser seguido pelas empresas que desejarem se incluir na blogosfera: O Making of é de interesse geral e seria interessante pensar num blogue corporativo que fizesse isso.

Oradores do debate:

Bruno Giussani, escritor, blogger, comentador e director para a Europa das conferências TED.
António Granado é jornalista e editor do Público
Online.
Eduardo Correia é professor universitário, licenciado no
ISCTE, tem o MBA em Marketing da Universidade de Glasgow e doutorou-se em Finanças, pela Universidade Strathclyde.
Maria João Nogueira é responsável pelos
Blogues do Sapo, faz o trabalho de desenvolvimento da plataforma e a sua gestão assegura desde a estratégia à captação de bons blogues.
Paulo Querido é jornalista, trabalha no semanário Expresso, criador e director da primeira rede de blogues “Tubarão Esquilo”.
Blogue: http://pauloquerido.net/

Debate sobre blogs e empresas

É já hoje, às 15 horas no Museu da Electricidade, em Lisboa, o debate “Blogosfera, um problema para as empresas ou um novo universo para as relações públicas?”. O encontro terá a participação de Bruno Giussan, António Granado, Eduardo Correia, Luís Paixão Martins, Maria João Nogueira e Paulo Querido.

A discussão tem por objetivo debater a Comunicação Institucional e a Gestão Empresarial.
Os temas discutidos prendem-se com os múltiplos patamares do processo de comunicação das organizações e com as suas etapas estratégicas.

Eu estarei presente para acompanhar o debate que também será transmitido em directo pelo site dos organizadores. em www.conversasunicer.net.

Agora parece que é oficial

Já está disponível o suporte digital das próximas Conversas Unicer – sob o tema “Blogosfera – Um problema para as empresas ou um novo universo para as Relações Públicas?”. A conversa propriamente dita será no Museu da Electricidade na tarde de 10 de Abril. A iniciativa, como se percebe pelo nome, é da Unicer e a organização da LPM. (Retirado do blog de Luís Paixão Martins)

Finalmente a conferência!

Como foi dito aqui estava atenta às notícias sobre a discussão/conferência sobre blogs corporativos que estava a ser organizada pela Unicer e que foi anunciada por ele.

Mas como o Bruno Amaral é mais esperto que eu descobriu todas as informações antes! E se derem uma olhada terão mais uma prova do poder da comunicação da Social Media. Afinal a notícia se espalhou em apenas uma hora!

Afinal tentei entrar no site referenciado em todas as mensagens mas agora está offline. Não consegui aceder a nenhuma das ligações.

Continuarei à espera de informações e espero ser mais rápida da próxima vez e conseguir a inscrição pois parece-me muito interessante.

Ainda o wiki do EuroBlog

Queria sublinhar mais uma dica retirada do wiki do Euroblog_08 que acho de importante relevância. É o artigo de Alexander Richter e Alexander Warta: The media variety as barrier for the successful use of enterprise wikis in the case of the Robert Bosch GmbH. Que pode ser um bom instrumento de estudo para quem esteja interessado em utilizar a <<Social Media>> como nova ferramenta das relações públicas.